Projeto de pesquisa da UFV, PNUD e Prefeitura de Lamim vai produzir carvão vegetal sem fumaça tóxica - Prefeitura de Lamim

Projeto de pesquisa da UFV, PNUD e Prefeitura de Lamim vai produzir carvão vegetal sem fumaça tóxica

O município de Lamim se tornou base para um projeto de pesquisa da Universidade Federal de Viçosa (UFV), queProjeto forno/fornalha em Lamim conta com apoio do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). A ação, que recebe o apoio da Prefeitura de Lamim, por meio da parceria entre a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente e a Emater, tem como meta qualificar produtores para que eles possam produzir um carvão vegetal de forma sustentável, com a diminuição da emissão da fumaça tóxica e ainda ampliar sua capacidade produtiva.

A unidade demonstrativa em Lamim foi implantada na localidade de Martins, dentro da propriedade do Amador Reis de Matos. O terreno foi escolhido pelo PNUD, após técnicos da UFV visitarem diversas unidades de produção de carvão no município. De acordo com a professora Cássia Carneiro, o sistema Forno/Fornalha desenvolvido pela UFV além de proporcionar uma produção sem a fumaça tóxica e tomando como base o novo procedimento de cozimento da madeira, poderá ampliar em 10% a produção de carvão.

Autor: Secretaria de Agricultura